MERCADO

Brasil Mais: programa para aumentar produtividade está com inscrições abertas em SC

Atualizado em 20 setembro, 2021

Estão abertas inscrições para o novo ciclo do Programa Brasil Mais, que oferece às micro, pequenas e médias empresas soluções para melhorar a gestão, inovar processos e reduzir desperdícios, com ferramentas de baixo custo e alto impacto. A Fecomércio SC faz parte do time de apoiadores institucionais do programa em SC desde o mês de maio. O Ciclo IV, que ocorrerá entre os meses de novembro de 2021 e fevereiro de 2022, tem 2200 vagas disponíveis no Estado.

> Faça sua pré-inscrição

Em Santa Catarina, o programa já atendeu mais de 7.000 empresários- 45% do setor de serviços, 40% do comércio e 15% da indústria. Entre os segmentos que participaram estão: moda, pet shops, saúde, indústrias de base, alimentos e bebidas, bares e restaurantes, educação, beleza, comércio varejista, artesanato, agronegócio, entre outros.


Empresas de todo país que participaram do Brasil Mais entre novembro /20 e abril/21 tiveram aumento de 52,1% na produtividade, puxado principalmente por uma melhora na gestão por indicadores e pela inovação.


Jornada de transformação digital

Os empreendedores recebem acompanhamento gratuito de um Agente Local de Inovação (ALI) por um período de quatro meses, com seis encontros individuais e três coletivos. Durante sprint de inovação será realizado mapeamento do problema e implantação de solução para aumento de faturamento ou redução de custo.

Ao receber a visita do ALI, a empresa receberá ferramentas e orientações com foco na mensuração de indicadores, inovação de processo e de produtos/ serviços, práticas sustentáveis e digitalização com foco na redução de custos e na sua relação com o mercado. Com o apoio do agente, o empresário terá 2 mensurações do indicador de produtividade (uma no início e outra no final do programa) e construirá um plano de ação que será acompanhado e monitorado.

O objetivo final do programa é aprimorar a capacidade gerencial, produtiva e digital de empresas brasileiras, aumentando assim a eficiência e a competitividade do setor produtivo.

Coordenado pelo Ministério da Economia, o Brasil Mais será gerido pela Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), com execução do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) e o Serviço Brasileiro de Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

Quem poderá participar

  • Empresas dos segmentos de comércio, indústria e serviços,
  • Somente empresas do porte ME e EPP (com faturamento de até R $4,8 milhões/ano).

 Benefícios

  • Elevar a produtividade empresarial (fazer mais com menos)
  • Aumentar a lucratividade dos negócios
  • Diminuir custos de operação e produção
  • Melhorar a satisfação dos clientes
  • Gerar inovação de produtos, processos ou serviços
  • Promover uma cultura de inovação na empresa

Leia mais:

Programa Brasil Mais tem 2200 mil vagas para empresas em SC

Fecomércio SC é apoiadora do Programa Brasil Mais

Leia também

ECONOMIA 15 outubro, 2021

Volume de Serviços mantém trajetória de recuperação, mas em ritmo gradativo

ECONOMIA 11 outubro, 2021

Oito em cada dez catarinenses estão cautelosos com compras grandes

ECONOMIA 08 outubro, 2021

Inflação de setembro é a maior desde 1994

ECONOMIA 07 outubro, 2021

Brasil flexibiliza entrada de estrangeiros