MERCADO

Governo prorroga prazo de carência de empréstimos do Pronampe

Atualizado em 09 março, 2021

Os pequenos empresários terão mais três meses para começar a pagar os empréstimos concedidos pelo Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe). A prorrogação do prazo de carência foi confirmada pelo secretário especial de Produtividade, Emprego e Competitividade do Ministério da Economia, Carlos da Costa, nesta segunda-feira (8).

Leia mais sobre linhas de crédito

“O Pronampe foi o pulmão para o Pequeno e Micro Empresário ter fôlego neste momento de turbulência”, avalia o presidente da Fecomércio SC, Bruno Breithaupt. No início deste mês, a entidade reforçou a importância da manutenção da carência para evitar uma “explosão de inadimplência e judicialização” em documento enviado ao senador Jorginho Mello, presidente da Frente Parlamentar em Defesa das Micro e Pequenas Empresas  e autor do projeto que criou o programa.

Criado em maio de 2020, o Pronampe permitiu ao empresário pegar até 30% do faturamento em empréstimo, com pagamento em 36 vezes e juros de até 1,25% mais taxa Selic. O programa tinha prazo de carência de oito meses e os empréstimos começariam a ser pagos em março. Somada as três fases, o Pronampe emprestou R$ 37 bilhões a 517 mil empresários em 2020.

O governo está articulando um projeto de lei para permitir que cerca de R$ 2 bilhões em recursos não utilizados no ano passado sejam usados em 2021, além de negociar com o Senado mais R$ 4,8 bilhões para ajudar a socorrer empresas.

Leia também

ECONOMIA 15 outubro, 2021

Volume de Serviços mantém trajetória de recuperação, mas em ritmo gradativo

ECONOMIA 11 outubro, 2021

Oito em cada dez catarinenses estão cautelosos com compras grandes

ECONOMIA 08 outubro, 2021

Inflação de setembro é a maior desde 1994

ECONOMIA 07 outubro, 2021

Brasil flexibiliza entrada de estrangeiros